José Trajano

José Trajano - ultrajano

Sejam bem-vindos ao Ultrajano!

Aqui tratamos preferencialmente de esportes, política, cultura geral e direitos humanos.

Somos uma plataforma de artigos de colunistas, reportagens, entrevistas, bate-papos, compartilhamento de notícia, dicas e principalmente programação ao vivo.

Tudo sob o comando de José Trajano, um dos mais respeitados jornalistas do Brasil.



Acompanhe:

Farsa corintiana

Postado por JR Malia em 09/out/2017

gato por lebre, a farsa corintiana

Amistoso do time sub-20 foi vendido como “oportunidade única para desfrutar do melhor futebol brasileiro, do líder da Liga”. Perdeu de 7 a 0 do La Coruña

Uma notinha aqui, outra ali, e pimba na caxirola: La Coruña goleia Corinthians Sub-20 por 7 a 0, no 19º Torneio Victoria ‘Memorial Moncho Rivera’, no Estádio Riazor, na Espanha. Resultado que seria até certo ponto normal, em se tratando de um jogo entre uma equipe de profissionais e um time de garotos. Acontece que venderam o amistoso beneficente como “oportunidade única para desfrutar do melhor futebol brasileiro, com o líder da liga do Brasil e um dos clubes mais vencedores da América Latina”.

Traduzindo no bico da chuteira: o velho golpe do gato por lebre. O ‘Mundo HR, blog da corporação ‘Hijos de Rivera’, informou ainda que os torcedores poderiam acompanhar uma equipe que “já ganhou dois Mundiais de Clubes da Fifa, um recorde no continente, uma Taça Libertadores da América e uma Recopa Sul-Americana, entre outros incontáveis méritos. Será um jogo histórico”. E publicou uma foto com Jádson, Rodriguinho, Pablo e outros jogadores da equipe principal.

Quem acertou a participação do Corinthians no torneio foi a cervejaria Estrella Galícia (patrocinadora dos dois clubes), de acordo com o ‘blog do Paulinho’. A torcida pagou 10 euros pelo ingresso. A renda chegou a 38 mil euros (R$ 140 mil). Na verdade, o clube paulista levou mesmo um arremedo de time, pois o Sub-20 disputaria uma partida pelo Campeonato Paulista. Incluiu apenas três atletas mais conhecidos, reservas dos reservas da equipe principal: Mantuan, Rodrigo Figueiredo e Carlinhos.

Antes da surra aplicada pelo La Coruña, o time participou de um jogo treino contra o Racing de Ferrol, da Terceira Divisão espanhola, e levou 5 a 0 em apenas 50 minutos. O ‘melhor futebol brasileiro’ contra o La Coruña atuou com Filipe, Samuel, Thiago, Franklin e Igor; Areias e Mantuan; Ramon, Rodrigo Figueiredo e Marquinhos; Carlinhos. Técnico: o ex-lateral Coelho. Vai Corinthians!

################################

Gato mestre.
Aleluia! Finalmente, camburão e legado olímpico começaram a caminhar juntos.

Meninas abandonadas.
Dia sim e outro também, o futebol feminino coleciona importantes conquistas. A última delas aconteceu no Campeonato Amazonense, na vitória do Iranduba sobre o São Raimundo por 18 a 0. Aos 35 minutos do segundo tempo, a jogadora Taiana passou mal. Edmilson Rodrigues, auxiliar do São Raimundo, correu para chamar a ambulância e encontrou o motorista dormindo. Pior: não havia médico nem enfermeiros. “O motorista culpou a Federação e a arbitragem afirmou que não podia fazer nada. E se ela morresse?”, protestou Rodrigues. Taiana foi levada ao Serviço de Pronto Atendimento do São Raimundo e passa bem, de acordo com o ‘Globo.com’. O treinador da equipe, Pelé, aproveitou para reclamar da estrutura do clube. A maioria das jogadoras é amadora e carente. Muitas vezes, algumas não têm dinheiro para o ônibus. Antes da partida contra o Iranduba, elas almoçaram apenas pão e refrigerante.

Meninas abandonadas 2.
Situação bem semelhante vivem as jogadoras da Seleção da Noruega. A partir do próximo ano, elas passarão a receber o mesmo café no bule que os marmanjos. Detalhe: os homens aceitaram reduzir os salários. Atualmente, eles ganham um total de R$ 2,6 milhões, enquanto as atletas faturam R$ 1,2 milhão. Em 2018, as duas equipes repartirão R$ 2,4 milhões entre os atletas. “Queremos que o futebol norueguês esteja à frente, e as garotas são tão importantes quanto nós”, disse o capitão Stefan Johansen ao jornal inglês ‘The Independent’. A atacante Caroline Hansen agradeceu o apoio: “Obrigado por tornarem mais fácil a busca de nossos sonhos.” Gol de placa.

Papo de esquina.
O PSD convenceu o ex-nadador Luís Lima a sair candidato a deputado estadual no Rio. Tchibum!

Nero na PF.
O bochicho corre solto pelos nefastos corredores do Circo Brasileiro de Futebol: o imperador ostentação Del Nero estaria disposto a procurar a Polícia Federal. Devidamente escoltado por advogados, ele perguntaria por que está na mira da Interpol. Sabe de nada, inocente!

Tá na rede.
Neymar promete defender o Palmeiras… quando o time ganhar um Mundial.

Renegado em alta.
O soberano São Paulo já começou a rezar: quer o volante Hudson de volta, após o empréstimo à Raposa até 31 de dezembro, mas vai depender das boas intenções dos mineiros. Um dos destaques do pão de queijo na conquista da Copa do Brasil, Hudson só retornará se a Raposa não quiser pagar a multa rescisória de 1,5 milhão de euros (R$ 5,7 mi), em prestações. Dispensado pelo ex-treinador Rogério Ceni, o meio-campista foi trocado por Neilton no início deste ano. Caiu nas graças da torcida cruzeirense, enquanto o atacante foi um fiasco no Tricolor e se mandou para o Vitória sem deixar saudade. Contratado em abril de 2014, após destacar-se no Botafogo de Ribeirão, Hudson marcou cinco gols em 121 jogos com a camisa são-paulina. Na Raposa, 35 partidas e três gols.

Dedo de prosa.
‘Professor’ Tite garante: o grupo da Copa de 2018 ainda está aberto. Mas ele vibraria muito se a amarelinha desbotada pudesse estrear na Rússia com Alisson, Daniel Alves, Marquinhos, Miranda e Marcelo; Casemiro; Coutinho, Paulinho, Renato Augusto e Neymar; Gabriel Jesus.

Pica-pau.
Os combalidos cofres do Botafogo ganharam um incentivo: clube terá de pagar mais de R$ 680 mil à Federação dos atletas profissionais. Não recolheu a contribuição ao fundo de assistência dos atletas entre 2006 e 2011.

Dona Maricota.
A turma do amendoim está eufórica no ninho dos periquitos em revista. O eficiente departamento profissional, que não ganhou nada nesta temporada, devorou irrisórios R$ 35 milhões em agosto. Ou seja, muita grana para pouca felicidade. Mesmo assim, o Palmeiras fechou o mês com saldo positivo de R$ 11,6 milhões. Ao longo da temporada, o Palestra adoçou o café no bule com mais de R$ 45 milhões de lucro.

Troféu Zé do Caixão.
Até a eleição em 9 de dezembro, o torcedor do Peixe sonhará com um esquadrão para 2018. Candidato à reeleição, o mandachuva e raios Modesto Roma Júnior prometeu vários reforços, entre eles Robinho, que fatura apenas R$ 900 mil por mês no Galo. Também confirmou estar de olho em Diego, em má fase no Flamengo. O meia belisca algo em torno de R$ 800 mil. Detalhe: o café no bule do Santos anda mais amargo que jiló.

Ding Dong.
Atual campeã mundial, a Alemanha virou mamão com açúcar: acumula 33 jogos sem derrota nas Eliminatórias, com direito a 16 vitórias consecutivas. Ou seja, o time se classificou à Copa com terrível dificuldade.

Na boca da mídia.
De André Kfouri, no ‘Lance’: “É desagradável, mas obrigatória, a lembrança de que muitos alertas foram feitos antes e depois da escolha do Rio para ser sede dos Jogos de 2016. Fez-se pouco de argumentos que chamavam a atenção exatamente para o risco de esquemas como os que agora estão expostos, encabeçados por políticos profissionais e esportivos, que se aproveitaram das obras e dos serviços relacionados à Olimpíada. A empolgação com a proximidade do evento dispensou esses alertas, desqualificando-os como manifestações antipatriotas ou bairristas. Um equívoco explicado, talvez, pela vontade de ser enganado.” No alvo.

O povo quer saber.
É mais fácil Neymar defender o Palmeiras ou jacaré pegar escada rolante?

O que você achou?
jr.malia@bol.com.br

(Visited 458 times, 1 visits today)