José Trajano

José Trajano - ultrajano

Sejam bem-vindos ao Ultrajano!

Aqui tratamos preferencialmente de esportes, política, cultura geral e direitos humanos.

Somos uma plataforma de artigos de colunistas, reportagens, entrevistas, bate-papos, compartilhamento de notícia, dicas e principalmente programação ao vivo.

Tudo sob o comando de José Trajano, um dos mais respeitados jornalistas do Brasil.



Acompanhe:

Tempos sombrios

Postado por em 24/out/2017

tempos tardios

O crescimento do pensamento conservador, reacionário e de direita, aumenta no país e é uma ameaça concreta à democracia. Para enfrentá-lo, é preciso que se costure uma unidade de todas as forças de esquerda, independentemente de partidos e projetos pessoais

Vivemos tempos sombrios.

Cresce na sociedade brasileira o pensamento conservador, de direita, reacionário, e se espalha por vários setores.

Exposições de arte são censuradas, em nome da moralidade. O Carnaval e os desfiles das escolas de samba são ameaçados em várias cidades do país, sob o argumento falacioso de que os recursos do Carnaval devem ser usados em programas para crianças ou de saúde. Leia Mais

Morreu mais um combatente: Ricardo Zaratini

Postado por em 16/out/2017

Morreu mais um combatente: Ricardo Zaratini

Ele foi um dos 15 presos políticos banidos do país, em 1969, em troca da libertação do embaixador norte-americano Charles Burke Elbrick, e um exemplo de militante em defesa da democracia, da liberdade e do socialismo

Morreu ontem, aos 82 anos, o ex-deputado federal Ricardo Zarattini. Engenheiro, foi um dos 15 presos políticos soltos, em 1969, em troca da libertação do embaixador americano Charles Burke Elbrick.

Pai do líder do PT na Câmara, o deputado federal Carlos Zarattini, e irmão do ator Carlos Zara (1930-2002), Zarattini tinha câncer na medula e sofria das intercorrências provocadas pela doença. Leia Mais

Hasta siempre, comandante Che

Postado por em 10/out/2017

Che Guevara

Lembrar a luta e os ideais de Ernesto Che Guevara, no momento em que Donald Trump retoma o discurso beligerante norte-americano e reacende o clima da Guerra Fria no mundo, é dever de todos os que lutam pela liberdade, pela justiça e por um mundo mais justo e menos desigual

Há exatos 50 anos, no dia 9 de outubro de 1967, Ernesto Che Guevara era morto pelo exército boliviano. Morria o maior ídolo da esquerda mundial, um dos líderes da Revolução cubana, símbolo da luta de toda uma geração contra o imperialismo norte-americano, a opressão, a desigualdade social e a defesa da liberdade e do socialismo. Leia Mais

Uma entidade em defesa das escolas de samba

Postado por em 03/out/2017

Fenasamba

Reunindo 53 Ligas e Associações de escolas de samba de 10 estados do país, que representam, juntas, 616 entidades carnavalescas, a FENASAMBA surge para defender as escolas de samba e o Carnaval brasileiro da crise econômica de estados e municípios e dos ataques do pensamento conservador

Sábado, dia 30 de setembro, foi um dia histórico para o Carnaval brasileiro e as escolas de samba de todo o país. Depois de uma articulação que começou há 4 anos, finalmente foi formalmente constituída a Federação Nacional das Escolas de Samba – FENASAMBA, com a aprovação dos seus Estatutos e a eleição de sua primeira diretoria, numa Assembleia Geral, realizada na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, que contou com a presença de dirigentes de Ligas e Associações de Escolas de Samba de 10 estados, que representam, juntas, 616 entidades carnavalescas. Leia Mais

PUC diploma simbolicamente ex-alunos desaparecidos políticos

Postado por em 25/set/2017

PUC diploma simbolicamente ex-alunos desaparecidos políticos

Um deles é Cilon Cunha Brum, o Comprido, desaparecido na Guerrilha do Araguaia, com quem convivi e militei, no início dos anos 70, cuja história é resgatada no livro “Antes do Passado – o silêncio que vem do Araguaia”, da sua sobrinha, a jornalista e publicitária Liniane Haag Brum

Na semana passada, a Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) diplomou, simbolicamente, cinco de seus ex-alunos que estão na lista dos mortos e desaparecidos políticos durante o regime militar (1964-1985). São dois antigos alunos da Faculdade de Direito, um de Economia, uma de Filosofia e um de Ciências Sociais – quatro deles ex-integrantes da Ação Libertadora Nacional (ALN) e um militante do PC do B. Leia Mais

Um grito de alerta contra a intolerância

Postado por em 18/set/2017

Um grito de alerta contra a intolerância

O crescimento da intolerância religiosa no Brasil é apenas um aspecto da onda conservadora que tem se espalhado, perigosamente, na sociedade brasileira

A sociedade brasileira vive uma crescente e preocupante onda conservadora.

Exposições de arte são fechadas, por considerarem que as obras expostas atentam contra a moral e os bons costumes, cresce a violência contra gays e LGBTs, as redes sociais estampam, diariamente, sintomas evidentes de intolerância política, aumentam os ataques a terreiros e centros de umbanda e candomblé. Leia Mais